Rodrigo Savazoni disserta sobre os acertos e erros das políticas de cultura digital no Brasil

Acabou de ser lançado o livro Cultura urbana para la inclusión en America Latina, iniciativa da Secretaria General Iberoamericana (SEGIB) que tem prólogo de Rebeca Grynspan, secretária geral da SEGIB, e apresentação de Juca Ferreira, ex-Ministro da Cultura do Brasil.

O diretor do Instituto Procomum, Rodrigo Savazoni, assina o texto 15 anos de política de cultura digital no Brasil: erros e acertos (página 87 do PDF) no terceiro capítulo Políticas de Cultura Digital para o Fortalecimento da Criatividade Social e Inovação Cidadã.

“A verdadeira inclusão social de nossa época é aquela promovida pela cultura do fazer-junto, de baixo para cima, na direção da promoção dos bens comuns”, Rodrigo Savazoni.

A publicação reúne artigos e ensaios apresentados no seminário Cultura urbana para a inclusão social na América Latina que aconteceu em Bruxelas, Bélgica, em abril de 2016.

Para ler o livro completa (espanhol e português) clique aqui.

A Secretaria General Iberoamericana (SEGIB)  é a organização internacional formada por 22 países que promove a colaboração e fortalecimento das relações entre os países latino-americanos e europeus de língua espanhola e portuguesa.